segunda-feira, 1 de junho de 2015

Tendência do Fast Good muda décor de restaurantes

Imagem: Morguefile

Além de boa comida, os restaurantes devem oferecer bom atendimento e, sobretudo, um local agradável para que os clientes façam suas refeições com qualidade. A decoração é aliada desses estabelecimentos ajudando-os a promover uma experiência única aos seus clientes

A tendência do fast food está dando lugar ao fast good. Além de comida rápida e de boa qualidade, o cliente tem necessidade de um local aconchegante, que proporcione bem-estar, tornando a hora das refeições mais prazerosa. O momento deve ser completo: atendimento, comida e ambiente precisam estar no mesmo padrão, garantindo uma experiência marcante.

“Atualmente, a concorrência é grande. Franquias multinacionais, restaurantes de pequeno, médio e grande porte já estão por todos os cantos da cidade. A arquitetura e o design de interiores entram nesse momento como fortes aliados dos empresários, valorizando a marca e criando um diferencial que possa ser usufruído pelo cliente, tornando sua experiência agradável e fazendo com que ela seja sempre lembrada”, destaca a arquiteta Marina Dubal, do escritório DAD Arquitetura .

Para valorizar a marca e propor diferenciais aos clientes de restaurantes, alguns pontos são fundamentais, como explica a designer de ambientes Fabiana Visacro : “ Os desejos do cliente e a intenção da marca deve ser transmitida no espaço comercial de forma clara e, ao mesmo tempo, natural. Por isso, o brienfing com o cliente é muito importante é por meio disso que saberemos com profundidade o perfil dos clientes e as demandas por eles criadas, os serviços oferecidos no local e o relacionamento pretendido entre empresa e cliente”.

Na prática isso se traduz em investimentos em itens como fachadas, cores, revestimentos, iluminação e outros. “Para atrair o consumidor, a fachada do restaurante deve ser atrativa e, para isso, não há nada melhor que investir em cores e em outros elementos que chamem a atenção dos transeuntes. Em um de nossos projetos, por exemplo, usamos madeira, pedras naturais e uma fonte d’água na fachada. Tudo isso tornou o local mais acolhedor e sedutor aos olhos do cliente”, comenta a designer de interiores Rosângela Guerra, do escritório Situar Projetos . 

Marina acrescenta: “Cores certas, revestimentos que sejam duráveis e que agreguem valor ao espaço, tudo isso é considerado no momento de se projetar uma loja de shopping ou restaurante de rua. Os móveis também devem ser corretamente projetados respeitando a ergonomia do cliente, alturas confortáveis para se servir, sentar, pagar, todos esses detalhes devem ser avaliados”.

Quem quer se destacar em meio à concorrência, deve apostar nesses diferenciais. “Primeiro recito é que o restaurante transmita a sensação de limpeza, higienização. Isso trará mais segurança ao consumidor. O conforto também não deve ser esquecido, por isso deve-se investir em um bom mobiliário, na acústica do espaço e no ar condicionado. Outro item importante é o investimento em uma boa comunicação visual que orientará de forma eficiente o cliente deixando-o mais confortável no ambiente”, conclui o arquiteto Eduardo Henrique, do escritório Situar Projetos.

Para fazer o download das fotos em alta, por favor, acesse este link: http://we.tl/cMgDKdl0nh

Mais informações e agendamento de entrevistas:
MÃO DUPLA COMUNICAÇÃO
Ana Paula Horta
(31) 9852-7018
Fernanda Pinho
(31)8431-7240 

Via: Dino
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário