quarta-feira, 15 de maio de 2013

Associação cria ranking para divulgar restaurantes sustentáveis


Cada vez mais restaurantes estão anunciando o seu compromisso com a sustentabilidade, mas em meio à tanta publicidade, como mostrar que o seu estabelecimento não está fazendo apenas um discurso da moda para conquistar mais clientes?

Para os clientes pode ser difícil julgar quais restaurantes estão realmente vivendo de acordo com padrões de sustentabilidade. Pensando nisso, o empresário londrino Mark Sainsbury, proprietário do Restaurante Moro, criou uma associação, junto com o amigo Giles Gibbons, voltada a ajudar os restaurantes que querem se tornar sustentáveis. Isso aconteceu depois que ele descobriu que as informações sobre o tema eram muito escassas.

Foi criada então a Sustainable Restaurant Association (SRA), que desenvolveu um sistema de classificação, que basicamente mede o quão bem um restaurante encaixa princípios da sustentabilidade em seu dia-a-dia, atribuindo uma pontuação de uma, duas, ou três estrelas.

Para ser sustentável, o restaurante deve comprar ingredientes direto de fazendeiros, reciclar o lixo e economizar energia. É um processo simples, mas longo. Sustentabilidade passa por comida orgânica, bem-estar do animal, eficiência energética, conservação da água e marketing responsável.

Como funciona a Sustainable Restaurant Association

O Sunday Times chamou a SRA de "As estrelas Michelin da Sustentabilidade". 

Para receber a classificação, os restaurantes são examinados em 14 quesitos, que devem evidenciar a sua preocupação com as três categorias principais de sustentabilidade - origem, meio ambiente e sociedade. Supervisionados por especialistas SRA, os restaurantes são então classificados no ranking com uma estrela, duas estrelas ou campeão em sustentabilidade, com três estrelas. Os restaurantes que atingem o status de campeão são marcados no Guia de Restaurantes on-line SRA, permitindo que os consumidores eco-friendly saibam onde podem encontrar comida sustentável (e deliciosa).

De acordo com o site da associação, qualquer restaurante que quer melhorar a sua sustentabilidade pode participar, e realizar uma avaliação. A equipe que avalia os restaurante é formada por ex-chefs e restaurateurs, que entendem o dia-a-dia de um estabelecimento de alimentação, oferecendo orientação e apoio para tornar o restaurante mais sustentável. Segundo Sainsbury, o Sustainable Restaurant Association é uma associação tipo “guarda-chuva”: acolhemos toda sorte de dúvidas, das mais básicas às mais específicas, e ajudamos os donos de restaurantes a encontrar respostas

O melhor é que o sistema de ranking global de sustentabilidade da associação está disponível para qualquer restaurante do mundo, desde que não sejam servidas espécies em extinção em seu cardápio.

Mais de 500 restaurantes do Reino Unido foram classificados pela SRA e a Associação oferece consultoria para mais de 1.200 restaurantes, com conselhos de como encontrar alternativas sustentáveis ​​para as práticas tradicionais de um restaurante.

No Brasil temos uma iniciativa parecida, o Selo "Restaurante Sustentável". Muitos estabelecimentos por aqui já tem esta visão, e aderiram à causas que focam questões sustentáveis. No entanto, na SRA ainda não existem estabelecimentos brasileiros indicados.

Fontes: Food Beast
              The SRA
              Atitude Sustentável
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário